PortalSousas - Tudo Sobre Sousas e Joaquim Egídio

Siga-nos no Twitter

Efetuar login | Cadastre-se, é grátis!


Eventos

07.10.2014Bossa Negra apresenta: Mundo Livre S/A traz manguebeat para Campinas dia 10 de outubro

Chegou a vez do manguebeat na festa Bossa Negra com a banda Mundo Livre S/A. A banda pernambucana, uma das precursoras do movimento, sobe ao palco do Brasuca Espaço Cultural em Barão Geraldo no dia 10 de outubro, às 22h. O show traz a fertilidade do som dos mangues em um especial que celebra o relançamento, 20 anos depois, do seu primeiro e mais aclamado LP, “Samba Esquema Noise“.

O som do Mundo Livre S/A mistura características regionais, como o maracatu, fundido com riffs de guitarras e batidas eletrônicas. Para este show o repertório vai incluir, além das canções do álbum que faz aniversário, outros hits clássicos da carreira da banda.

Surgida no início dos anos 80, a banda nasceu no bairro de Candeias, local onde foi escrito o manifesto Caranguejos com Cérebro, marco do Movimento Mangue, associado também a figura mítica de Chico Science. Os integrantes são Fred Zero Quatro (vocal, guitarra e cavaquinho), Walter Areia (baixo), Xef Tony (bateria), Léo D (teclados e samples) e Pedro Santana (percussão).

Antes e depois do show marcam presença no palco o DJ Barata, idealizador e curador musical do projeto Bossa Negra, e o DJ Xegado, que vão esquentar ainda mais a noite trazendo discotecagem baseada nas sonoridades pernambucanas e em canções afro-brasileiras.

A Bossa Negra contará também com a especial participação do Bazar Clube das Pinups, evento de moda alternativa já tradicional na cidade e do Bazar das Nêga, que atua na promoção e divulgação da estética negra, e que contará com capulanas, estampas coloridas, turbantes e outras vestimentas vinculadas ao universo afro.

Serviço:

Local: Brasuca Espaço Cultural

Data: 10 de outubro

Horário: a partir das 22h00

Endereço: Avenida Santa Isabel, 800 – Barão Geraldo - Campinas

Preço: R$ 35,00 (1º lote) e R$ 45,00 (2º Lote e na portaria)

Pontos de venda: Banca Central (3289-7363), Dixie Arte (3291-0197)

Sobre o Mundo Livre S/A

A história do Mundo Livre S/A começa no início dos anos 60, em Jaboatão dos Guararapes. Foi nessa cidade vizinha ao Recife que nasceu Fred Rodrigues Montenegro, hoje mais conhecido por “Zero Quatro”. Os dois primeiros grupos liderados por ele, vinculados ao universo do punk, foram as bandas "Trapaça" e depois "Serviço Sujo". O tédio dos anos 80 deixou a raiva do punk amadurecer, e, assim, o "Serviço Sujo" deu lugar ao Mundo Livre S/A.

Mas foi só no início da década de 90 que a história da banda começa a mudar: Zero encontrou, através de amigos comuns, Chico Science, Jorge Dü Peixe e vários outros futuros Nação Zumbi. O Mangue fincou uma parabólica na lama e transformou o Recife numa outra cidade, a “manguetown”. Zero escreveu o primeiro manifesto do movimento e em 94 saiu o disco de estreia da banda, o clássico "Samba Esquema Noise", considerado por boa parte da crítica "disco do ano" e "disco da geração 90".

Em 2001, a banda teve destaque em importantes festivais, como o Abril Pro Rock (tocando em Recife e São Paulo), Porão do Rock, FreeZone (Rio) e Free Jazz Project Pernambuco Mix. Em 2003, o Mundo Livre S/A fez uma pequena turnê na Europa e em Nova Iorque. Em 2004 recebeu o “Prêmio Dynamite de Música Independente” por melhor disco de MPB.

Sobre a Bossa Negra

A Bossa Negra nasce com a clara intenção de realizar festas em alto nível, seja nos cuidados organizacionais, seja na agenda musical. Num formato que mistura discotecagem feita exclusivamente com discos de vinil com performances ao vivo, prima pela qualidade sonora e artística e tem sua música como resultado do aprofundamento de sérios e continuados trabalhos de pesquisa. Com foco nesta música de raízes negras, brasileira e internacional, a festa leva consigo uma mescla de batidas de jazz, soul, funk, samba e todos os ramos nos quais se dividem essas matizes, com ênfase na produção e herança de ícones como Elza Soares ,Tim Maia, James Brown, Stevie Wonder, Jorge Ben, Ray Charles, entre outros.

A festa já levou para suas pistas, ao longo de suas mais de 150 edições, cerca de 25 mil pessoas. Já bem estabelecido em Campinas, o projeto busca trabalhar tanto com nomes independentes das cena local quanto com artistas de médio e grande porte. Entre estes últimos podemos citar os bem sucedidos eventos com Cláudya, Gerson King Combo, Sandália de Prata, Metá Metá, Nina Becker, Bixiga 70, entre outros.


Comentários

Não há comentários para esta notícia. Seja o primeiro a comentar!

Envie seu comentário!

Para comentar esta notícia, você deve estar logado.

Caso já seja cadastrado, efetue seu login nos campos ao lado, ou clique no botão abaixo para se cadastrar!

Clique para se cadastrar!

Entre com seu e-mail e senha abaixo:

Esqueceu a senha? Clique aqui!
O PortalSousas não se resposabiliza por qualquer dano e/ou prejuízo que o usuário
possa sofrer ao realizar uma transação com os anunciantes. Desenvolvido pela S3Web